Banner-Boletim

Boletim da Greve nº 2

maio 14 2015
(0) Comentários

Reitoria finalmente reconhece a greve e abre negociações com o Comando Estadual de Greve

Na última terça-feira, 12 de maio, o Comando Estadual de Greve (CEG), que representa as servidoras e os servidores do Instituto Federal da Bahia (IFBA) em greve desde o mês de abril, esteve reunido com o reitor Renato da Anunciação e direção geral do Instituto, na sede da Reitoria, em Salvador. Do lado do movimento dos(as) servidores(as), a mesa de negociação foi composta por 19 representantes dos câmpus e da reitoria, um membro do SINASEFE-IFBA e o advogado do sindicato. Do lado da gestão, estavam o reitor, 16 diretores gerais, o representante da correição do IFBA, o pró- reitor de extensão e o procurador do IFBA.

A reunião para debater os pontos da greve terminou com poucos avanços e sem encaminhamento de acordo sobre a instalação do ponto eletrônico de frequência e sobre a manutenção da jornada de trabalho de 30 horas para os Técnicos Administrativos da Educação (TAEs), duas pautas centrais para o movimento. Em relação ao ponto eletrônico, a proposta da reitoria é manter a Portaria nº 709, que institui a medida, e formar uma comissão paritária para apresentar propostas de ajustes nos mecanismos de controle no prazo de dois meses. Ainda segundo a reitoria, o ponto eletrônico não seria aplicado durante esse período, com exceção do campus Porto Seguro, onde o equipamento já está instalado. De acordo com o reitor, o ponto eletrônico é uma ferramenta necessária para a gestão

Deixe seu comentário

FORTALEÇA A LUTA DA CATEGORIA

Filie-se e conheça as nossas vantagens